Sidewalk Flowers

Sidewalk Flowers

My first photobook, condensing 5 years of photographic activity in a carefuly crafted object.

  • 3266

    raised

    113% of 2 900€

    99 backers

  • 16/08/2019

    Expired on

  • Completed

    This project has been successfully funded

My first photobook, condensing 5 years of photographic activity in a carefuly crafted object.

Photography has been for some an object of admiration and enthusiam since the times of the daguerreotype. In these times of instagram filters and heartful hashtags, that love may remain unrelentless. To take a picture is to use light as a pen — and no matter how many suggested words (depending on the device), no message compares to the ones written with a pen on paper. 

The same happens with photos: they may walk the zero-ones networks, be seen on screens, be shared (and it is a wish to share that brings me here), but they are reborn, over and over again, when printed on paper. 

It is a joy to see them on walls but i want more, and more on paper, in a book, with a carefuly curated selection, with connecting dots and bridges, impossible to render on whatever digital platform you may name (be it blog, or facebook, or, or). 

I collect images the same way i make mixtapes: a playlist of people and flowers and everyday instants, like sidewalks flowers that never cease to surprise me. Sidewalk Flowers, by the way, is the stolen title for this book, stolen from this incredible book. Flowers that you'll be able to see in detail, as many times you want, carry them in your backpack, lay them in your shelf.

I owe this book to a lot of people: you, reading this project; those who were kind enough to pass in front of my lens; those who still haven't seen it. As a graphic designer, i'll design it myself, uncompromised, in a author's edition (there is, though, the possibility to have the Tinta-da-china imprint, as a way to help me get to bookshops). 

With your help I'll be able to achieve this and i have a great bunch of gifts for you. Just click the button to know more, choose what fits you better, and help this guy here to give a proper house to this collection of images plucked from the tree of everyday life: a fine-art print book spread among the libraries of those who, like me, like books and pictures an awful lot.

About the author

Pedro Serpa (b. 1978)

Should i be a cupboard, i would be one of those full of drawers (and a plenty lot fallen in the back). I make my living as a book designer (mostly in Tinta-da-china) and i keep some of my mental sanity fumbling with music and photography. In the 10th grade i had a Physics' professor who was in charge of the photo lab, at school. I could say it was a revelation (but that would be a sloppy pun). The truth is that since i'm 15 y.o., more or less constantly, i've been finding myself behind the lens. In 2014 i bought my first decent (i.e. allowing complete manual operation) digital camera, a Sony RX100. After five years, and following the suggestion of a friend, i think it's time to make a kind of inventory of the gestures and themes recurrent in my way of seeing and framing the world. 

Budget and due dates

2600€ — cost for a 500 printrun of the book

267,52€ — PPL's comission

rest— printing of the gift postcards 

As for the other rewards (30x30 prints and photographic sessions [in Lisbon area]), the costs are on me. So are the shipping costs of the book.

Schedule: a first draft of the book is done. When the crowdfunding ends, i'll be able to send it to the printer.

  • Invest with
    5€ or more

    5€

    My eternal gratitude and, given the occasion, a coffee and a chat somewhere. A postcard.

    14 backers

  • Invest with
    15€ or more

    15€

    The book in your mailbox. A postcard and your name in the thank you list at the end of the book.

    45 backers

  • Invest with
    25€ or more

    25€

    The book, signed, in your mailbox. A postcard and your name in the thank you list at the end of the book.

    19 backers

  • Invest with
    50€ or more

    50€

    The book, signed, in your mailbox. A postcard and your name in the thank you list at the end of the book. A giclée print on fine-art paper of one of the pictures in the book (30 x 30, more or less the size of an LP record)

    14 backers

  • Invest with
    100€ or more

    100€

    The book, signed, in your mailbox. A postcard and your name in the thank you list at the end of the book. A photo session with: - 1 picture of the session printed on fine-art paper (30 x 30, more or less the size of an LP record) - 20 edited pictures on digital support. (Travelling expenses on me if you are from Lisbon area. Otherwise, we'll need to talk and see our options)

    9 backers

  • Invest with
    1000€ or more

    1000€

    We need to talk.

    No backers yet. Be the first one!

Sat, 24/08/2019 - 14:52

Mon, 19/08/2019 - 11:48

Payout completed

The raised funds have been transferred to the campaign owner

16/08/2019

Campaign ended

The campaign successfully raised the initial target

Sat, 10/08/2019 - 19:56

Muito bom dia!

Muito bom dia! Com esta campanha praticamente a acabar (mais uns rodopios do planeta e já está), quero aproveitar este palanque para: 1. vos agradecer a tod@s. Não imagina...

Read more

Sat, 27/07/2019 - 14:40

100% reached

WE DID IT! We met our initial target but the fundraising can continue

Tue, 02/07/2019 - 01:13

Em 2014, creio que foi em

Em 2014, creio que foi em 2014, apoiei pela primeira vez uma campanha de crowdfunding para a concretização de um disco de uma cantora de que gosto muito. Soube-me bem poder ajud...

Read more

Sat, 29/06/2019 - 17:04

100% reached

WE DID IT! We met our initial target but the fundraising can continue

Thu, 27/06/2019 - 15:42

50% reached

We've just achieved half the target! The glass is now more full than empty ;)

Mon, 24/06/2019 - 15:02

First five backers

We've gathered the first 5 backers. Hurray!

Campaign launched

24/06/2019

Join us so you can take a part in this campaign. Register

  • Pedro Serpa

    Muito bom dia!

    Muito bom dia!

    Com esta campanha praticamente a acabar (mais uns rodopios do planeta e já está), quero aproveitar este palanque para:

    1. vos agradecer a tod@s. Não imaginam o quão bem sabe deixar uma planta assim no meio da praça pública e assistir a tanta gente a cuidar dela e regá-la (a minha mãe é, invariavelmente, quem cata as folhas mais ou menos mortas). Devo-vos, portanto, um enorme obrigado. E a promessa que vou ficar por aqui nas metáforas pirosas e vegetais (afinal o livro tem "flores" no título).

    2. mas, como um obrigado não chega, e porque há postais, livros, prints e sessões para dar em troca, vou começar a preparar os ditos brindes. Em breve receberão um email para, consoante o caso, escolherem o postal, o print ou combinar a sessão. Precisarei, também, na maior parte dos casos, de saber que morada escrever no envelope — mesmo a dos anónimos que queiram receber o livro (partindo da hipótese de que quiseram permanecer anónimos para o mundo mas não para mim) (menos tu, FIlipe, sei onde vives).
    Agradeço, assim, que quem não me deu ainda a morada, a envie para serpapedro@gmail.com.

    3. darei conta dos progressos das várias impressões — do livro, dos postais, etc. — aqui (pouco, para não melgar) e no blog (sobretudo: https://www.ventilan.blogspot.pt).

    Neste momento, estou a ver orçamentos — a gráfica complicou-me um bocado a vida por causa de um detalhinho de impressão e estou a equacionar alternativas. Os postais e as giclées serão feitos na Kilford Studios, cujo trabalho incrível podem ver aqui: https://www.instagram.com/kilfordstudios/

    Lá para meio de Setembro conto ter livro. Até ao início de Outubro, recebem o livro no correio. E às livrarias chegará no dia 18.

    E para já é tudo. Obrigado mais uma vez e até breve *

    Pedro

    Log in or register to post comments

  • Serpa Julieta

    Muito bonito o que

    Muito bonito o que escrevestes. Beijinhos

    Log in or register to post comments

  • Pedro Serpa

    Em 2014, creio que foi em

    Em 2014, creio que foi em 2014, apoiei pela primeira vez uma campanha de crowdfunding para a concretização de um disco de uma cantora de que gosto muito. Soube-me bem poder ajudar daquela maneira (e, mais tarde, de outras).

    Quando, em 2015 me meti num comboio para a Póvoa para ouvir o 2.º concerto de apresentação daquelas canções, levava na mochila o Art of Asking, da Amanda Palmer. Foi e é um livro importante (embora tenha esbarrado, num primeiro momento, naquela paginação horrível). Se não o conhecem, sugiro-vos esta Ted Talk que lhe está na origem (https://www.ted.com/talks/amanda_palmer_the_art_of_asking?language=en)

    Pelos comentários que tenho recebido, é mais ou menos notório que me sinto muito desconfortável quer diante de uma lente, quer sob um foco de luz. Mais ainda quando parece que estou a pedinchar uns trocos para realizar aquilo que, bem espremido, é um projecto vaidoso: o mundo continuaria a rodar, mais ou menos sereno, mais ou menos submerso, sem que as minhas fotos se fixassem em papel.

    Mas.
    Em conversa com o João — que é, digamos assim, o meu artista português cujo traço e ideias mais admiro (pódio partilhado com uns poucos outros) — ele sugeriu que fizesse um balanço destes cinco anos. O que faz algum sentido: arrumar a casa, limpar o pó das estantes, ver o caminho percorrido. Para já, teve o efeito de me fazer parar um bocado: estes balanços dão-me para me enjoar um bocado de mim mesmo e para precisar de estar um tempo com a cabeça a arejar.

    Mas divago.

    Foi um passo estranho, este do crowdfunding. Demorei uns dois meses a decidir-me e outros dois a preparar os materiais. Sempre com o receio de ficar ali despido no meio da praça, o chapéu com duas ou três moedas piedosas. Não por duvidar das minhas fotos; se duvidasse, nem sequer as mostrava ao mundo (como há tanta coisa que não mostro). E sinceramente dá-me um verdadeiro prazer esta coisa da partilha, de conseguir cozinhar coisas (é o termo técnico) que me parecem bonitas ou delicadas ou com o potencial de melhorar o dia alheio — frequentemente em privado, por vezes publicamente.

    (Continuo a divagar)

    Enfim. A perspectiva de ficar ali no meio da praça era no mínimo humilhante.

    Espantou-me, e emocionou-me, e acarinhou-me a resposta que isto teve. Tanto ao nivel do chapéu, que rapidamente se encheu, como sobretudo pela partilha e pelas palavras queridas e amistosas com que fui brindado (algumas em registo camionista bojardão, o que sabe sempre bem ;)

    Fico-vos, assim, muito muito agradecido. A campanha foi pensada para durar até meados de Agosto, e essa data vai manter-se, apesar do objectivo já ter sido (em princípio*) atingido. Tudo o que ultrapassar o tal montante necessário para a impressão será canalizado para um eventual aumento da tiragem, ajudar nos custos de produção dos postais, das giclées prints e das sessões fotográficas. Mal tenha novidades — nomeadamente sobre o processo de impressão do livro e o início dos envios, lá para finais de Agosto — voltarei a dizer qualquer coisa.

    Espero que o livro vos dê, no mínimo, tanto prazer a folhear como eu tenho a fotografar.

    Com um abraço e um até breve,

    Pedro

    (* Houve uma contribuição anónima de 1100 euros que me deixa um bocado desconfortável e gostaria, se possível, que essa pessoa me enviasse um email para o qual possa responder, tenho uma questão a colocar. Obrigado)

    Log in or register to post comments

99 members of the PPL community
support this campaign

  • 64
    new backers

  • 35
    recurrent backers

  • 11
    anonymous backers

Meet the people helping this dream come true