Feira do Livro 2018 na Casa dos Direitos, Guiné-Bissau
PPL Causas
  • Social
  • Bissau, Guiné-Bissau

Feira do Livro 2018 na Casa dos Direitos, Guiné-Bissau

A Casa dos Direitos, na Guiné-Bissau, pretende organizar a 3.ª edição da Feira do Livro, disponibilizando livros sobretudo sobre Direitos Humanos e Desenvolvimento, bem como lit...

  • 1000

    angariado

    100% de 1 000€

    6 apoiantes

  • 05/11/2018

    Terminado a

  • Financiado

    Esta campanha foi totalmente financiada

A Casa dos Direitos, na Guiné-Bissau, pretende organizar a 3.ª edição da Feira do Livro, disponibilizando livros sobretudo sobre Direitos Humanos e Desenvolvimento, bem como literatura africana e internacional.

Casa dos Direitos, na Guiné-Bissau, abriu as suas portas em 2012, no edifício da antiga esquadra-prisão no centro histórico de Bissau. Desde então tem-se vindo a afirmar enquanto espaço de colaboração entre organizações da sociedade civil guineense e lugar de diálogo e promoção dos Direitos Humanos no contexto da Guiné-Bissau.

A Casa é já uma referência como centro de documentação, de formação e de debate, além de espaço de trabalho para a Liga Guineense dos Direitos Humanos.

No seguimento do sucesso das edições anteriores da Feira do Livro na Casa, pretendemos organizar em Dezembro deste ano a 4.ª edição, disponibilizando livros sobretudo nos domínios dos Direitos Humanos e do Desenvolvimento, bem como clássicos da literatura africana e internacional. Para tal são necessários meios que permitam reforçar a quantidade e diversidade de livros disponíveis e garantir o seu transporte até à Guiné-Bissau.

Recorremos assim a esta campanha de financiamento colectivo [crowdfunding], para recolha de fundos até 23 de Outubro. Veja o vídeo que fizemos para a primeira edição da Casa dos Direitos, em 2014!

A Feira do Livro irá integrar a Quinzena dos Direitos, uma iniciativa de reflexão e discussão sobre Direitos Humanos na Guiné-Bissau, realizada pela Casa dos Direitos nas primeiras duas semanas de Dezembro de 2018.

Feira do Livro de Bissau na Casa dos Direitos em 2016

Sobre o promotor

Casa dos Direitos é muito mais que um espaço físico de encontro entre Organizações da Sociedade Civil. É também uma iniciativa de promoção do diálogo entre organizações e de reforço do trabalho em rede na Guiné-Bissau. A Casa dos Direitos: Redes e Recursos para o Desenvolvimento define-se como uma iniciativa promotora de diálogo entre diversos sectores da sociedade guineense, à volta da realização de um conjunto de direitos - económicos, sociais, culturais, cívicos, ambientais - numa abordagem de identificação dos problemas e valorização das soluções. Inscreve-se num esforço conjunto de compreensão da realidade e dos desafios que se vêm colocando à paz e ao desenvolvimento. 

A Casa dos Direitos quer ser um espaço de encontro e de trabalho, com um centro de recursos e sala de exposições e debates, aberto também a iniciativas de outros. A Casa tem a sua sede na mais antiga Esquadra de Bissau, cedida pelo Governo guineense, recuperada e adaptada no quadro de um projecto co-financiado pela Cooperação Portuguesa e pela Fundação Calouste Gulbenkian. 

Para os primeiros passos, em 2011, este projecto contou com ma parceria alargada envolvendo organizações da sociedade civil guineense e também portuguesas e uma organização internacional. Em Portugal a organização coordenadora do consórcio tem sido a ACEP, enquanto que na Guiné-Bissau é a LGDH - Liga Guineense de Direitos Humanos.

O consórcio actual da Casa conta com as seguintes organizações:

ACEP – Associação para a Cooperação Entre os Povos [Portugal]

LGDH – Liga Guineense dos Direitos Humanos [Guiné-Bissau]

AD – Acção para o Desenvolvimento [Guiné-Bissau]

AMIC – Associação dos Amigos da Criança [Guiné-Bissau]

NEP/CES – Núcleo de Estudos para a Paz / Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra [Portugal]

CIDAC – Centro de Intervenção para o Desenvolvimento Amílcar Cabral [Portugal]

RA – Rede Ajuda, Cooperação e Desenvolvimento [Guiné-Bissau]

RENAJ – Rede Nacional de Associações Juvenis [Guiné-Bissau]

RENARC – Rede Nacional de Rádios Comunitárias [Guiné-Bissau]

RENLUV  –  Rede Nacional de Luta contra a Violência baseada no Género e Criança [Guiné-Bissau]

Senim Mira Nassequê [Guiné-Bissau]

Tiniguena – Esta Terra é Nossa! [Guiné-Bissau]

Press: http://www.instituto-camoes.pt/sobre/comunicacao/noticias/20148-vice-presidente-do-camoes-i-p-na-casa-dos-direitos-em-bissau

Orçamento e Calendarização

Aquisição de livros em português, nos domínios dos Direitos Humanos e do Desenvolvimento e de obras de literatura africana e internacional (cerca de 700 euros) e transporte até à Guiné-Bissau (cerca de 200 euros para despacho e transporte e aproximadamente 100 euros para desalfandegar).

  • Apoia com
    5€ ou mais

    Agradecimento no site da Casa dos Direitos

    Casa dos Direitos publicará no site oficial uma lista de agradecimento com o nome das pessoas/instituições que contribuíram para a iniciativa (caso manifeste interesse em manter o anonimato, este será respeitado).

    3 apoiantes

  • Apoia com
    25€ ou mais

    Oferta de livro da Casa dos Direitos

    A Casa dos Direitos oferecerá um dos seus três títulos já editados*: DESAFIOS - Direitos das Mulheres na Guiné-Bissau; DESAFIOS - Direitos das Crianças na Guiné-Bissau; DESAFIOS - Uma História de Direitos na Guiné-Bissau; DESAFIOS - Ora di Diritu * portes de envio por correio incluídos para Portugal

    4 apoiantes

Ter, 28/06/2022 - 09:15

Ter, 06/11/2018 - 12:08

Pagamento concluído

Os fundos angariados foram transferidos para o promotor

Ter, 06/11/2018 - 11:34

Agradecimento

A ACEP - Associação para a Cooperação Entre os Povos, agradece a todos os que apoiaram esta campanha e que contribuíram para que a Feira do Livro e a Quinzena dos Direitos na Gu...

Ler mais

05/11/2018

Campanha terminou

Os fundos foram totalmente angariados com sucesso

Seg, 05/11/2018 - 15:41

100% alcançado

CONSEGUIMOS! A campanha alcançou a totalidade do objectivo mas pode continuar a angariar fundos

Seg, 05/11/2018 - 09:36

Primeiros cinco apoiantes

Reunimos os primeiros cinco apoiantes. Força!

Lançamento da campanha

15/10/2018

Junta-te a nós para poderes participar nesta campanha. Criar conta

6 membros da comunidade PPL
apoiam esta campanha

  • 3
    novos apoiantes

  • 3
    apoiantes recorrentes

  • 3
    apoiantes anónimos

Conhece quem está a tornar este sonho realidade