Cabo Verde & a Música - Museu Virtual

Cabo Verde & a Música - Museu Virtual

Cabo Verde & a Música - Museu Virtual: um espaço online que propõe um mergulho no universo musical de Cabo Verde

  • 2300

    angariado

    49% de 4 640€

    21 apoiantes

  • 17 dias

    para apoiar

    Registe-se para seguir esta campanha

  • Esta campanha iniciou-se em 26/02/2021 e só será financiada se angariar um mínimo de 4 640€ até 27/04/2021 - 18:00

Cabo Verde & a Música - Museu Virtual: um espaço online que propõe um mergulho no universo musical de Cabo Verde

O projeto Cabo Verde & a Música – Museu Virtual surge na sequência de Cabo Verde & a Música – Dicionário de Personagens, publicado em 2016 e que traça as biografias e discografias de músicos, cantores e outros personagens da música de Cabo Verde.

Agora, a partir do material reunido do longo de mais de 20 anos, a proposta é criar um museu virtual. O objetivo é partilhar todo um conjunto de informações, não apenas sobre os personagens, mas sobre o complexo universo musical de Cabo Verde e sua diápora.  Este projeto inclui não apenas textos e fotos, mas também vídeos, recortes de jornais, entrevistas, entre outros tipos de documentos. Grande parte desse material requer trabalhos técnicos que permitam a sua veiculação, o que tem custos. Com a ajuda daqueles que amam a música de Cabo Verde, poderemos em breve ter o museu virtual, que já está online (www.caboverdeamusica.online), a funcionar em pleno. 

A aposta é na difusão do conhecimento como forma de preservação e valorização deste importante segmento do património imaterial de Cabo Verde, ao mesmo tempo que se propõe um ambiente lúdico e interativo, que interessará a diferentes públicos. Será também um espaço de partilha, para reunir contribuições que ajudem a contar as histórias que compõem a história da música de Cabo Verde. Com todo o rigor de um museu, dado o seu caráter de arquivo, e com toda a flexibilidade e abrangência que os recursos digitais e a internet proporcionam.

Preservar a memória para poder contar a história – é com base nesta ideia que o projeto Cabo Verde & a Música prossegue, agora como museu virtual. E conta com o seu apoio.

Sobre o promotor

Gláucia Nogueira, jornalista e antropóloga, trabalha sobre temas ligados à cultura cabo-verdiana desde o início da década de 1990, quando começou a colaborar com a imprensa de Cabo Verde, fazendo a cobertura jornalística de atividades ligadas à comunidade cabo-verdiana radicada na região de Lisboa.

Em 1994, vivendo alguns meses na cidade da Praia, germinou a ideia de fazer investigação sobre a música cabo-verdiana. Em 1997, iniciou uma longa pesquisa bibliográfica e discográfica, complementada por centenas de entrevistas, aprofundando os conhecimentos sobre os géneros musicais, os seus períodos, discografia e outros aspetos. Ao longo de cerca de 20 anos, reuniu dados sobre compositores, intérpretes, grupos, produtores, etc. As suas biografias constam de Cabo Verde & a Música - Dicionário de Personagens, que publicou em 2016. Dessa trajetória resulta o projeto atual.

Residindo de 2002 a 2014 na cidade da Praia, trabalhou em vários órgãos de comunicação – Paralelo 14, A Semana, Fragata, Iniciativa e Cabo Verde, e como correspondente da revista angolana África 21 – além de leccionar na Universidade de Cabo Verde (Uni-CV) e na Universidade de Santiago (US).

Gláucia Nogueira é mestre em Património e Desenvolvimento pela Uni-CV (com dissertação sobre o tema do batuku) e doutora em Patrimónios de Influência Portuguesa pela Universidade de Coimbra (com tese sobre as músicas de origem europeia do século XIX em Cabo Verde).

Além de Cabo Verde & a Música - Dicionário de Personagens, publicou:

  • O Tempo de B.Leza. Documentos e memórias (2006), sobre a vida e obra do célebre compositor Francisco Xavier da Cruz;
  • Notícias que fazem a História. A música de Cabo Verde pela imprensa ao longo do século XX (2007), conjunto de textos baseados no que os arquivos guardam sobre a cultura e a música do país;
  • Batuku de Cabo Verde. Percurso histórico-musical (2015), resultado do mestrado em Património e Desenvolvimento, na Universidade de Cabo Verde (Uni-CV), sobre o género musical batuku enquanto elemento do património imaterial do país.

O projeto na comunicação social: Mindelinsite, Revista (TCV), A Nação.

Orçamento e Calendarização

Despesas com a criação do site/domínio/alojamento por 2 anos

572 Euros

Despesas com tratamento de materiais em áudio, vídeo e imagem

930 Euros

Produção e edição de conteúdos/atualização do site primeiros 2 anos

2400 Euros

Despesas com a produção de recompensas

738 Euros

Total

4640 Euros

 

 

 

Calenderização:

Cabo Verde & a Música - Museu Virtual já está acessível - www.caboverdeamusica.online - de forma parcial. Depende de recursos para agilizar as atualizações que o tornarão não completo, pois haverá sempre o que acrescentar, mas cada vez mais rico em informações.  

Dom, 11/04/2021 - 08:16

Sáb, 03/04/2021 - 16:51

Já somos 20

Já chegámos aos primeiros 20 apoiantes. Vamos continuar!

Dom, 28/02/2021 - 19:11

Primeiros cinco apoiantes

Reunimos os primeiros cinco apoiantes. Força!

Lançamento da campanha

26/02/2021

21 membros da comunidade PPL
apoiam esta campanha

  • 12
    novos apoiantes

  • 9
    apoiantes recorrentes

  • 3
    apoiantes anónimos

Conhece quem está a tornar este sonho realidade