QUEBRAR A SOLIDÃO DE 100 IDOSOS
Giving Tuesday
  • Social
  • Bragança e Vimioso, Portugal

QUEBRAR A SOLIDÃO DE 100 IDOSOS

Ajude-nos a quebrar a solidão e a melhorar a qualidade de vida de 100 IDOSOS de 4 aldeias do Nordeste Transmontano.

Ajude-nos a quebrar a solidão e a melhorar a qualidade de vida de 100 IDOSOS de 4 aldeias do Nordeste Transmontano.

Ajude-nos a quebrar a solidão e a melhorar a qualidade de vida de 100 IDOSOS de 4 aldeias do Nordeste Transmontano. 

 

Se não fosse vir ensinar serigrafia, deitava-me, ficava lá na cama. - Mestre Orlando, 70 anos.

 

A RAZÃO DE SER DO APOIO

Os idosos das comunidades rurais do nordeste transmontano vivem sozinhos, isolados, sentem-se inúteis e com baixa auto-estima. Um problema com consequências para a saúde física e mental do idoso, o que representa um custo económico elevado dado que mais de 75% dos custos do SNS são para tratar doenças dos idosos.  Para agravar o problema, as gerações mais novas emigraram ou deslocaram-se para os grandes centros urbanos, deixando as aldeias envelhecidas e “esquecidas”.

 

O PROJETO

O projeto “Aldeias Pedagógicas” é um projeto de inovação social que promove o envelhecimento ativo, a intergeracionalidade, a valorização, a participação cívica e familiar e o bem-estar físico e mental do idoso através da participação dos idosos enquanto guias de uma visita pelo passado de quatro aldeias, pensada para grupos escolares e outros grupos organizados, que recorda as artes, ofícios e tradições de outros tempos.  O “Aldeias Pedagógicas” valoriza os saberes, os ofícios, experiência de vida dos idosos e a sua ligação ao mundo rural tornando-os nos “Mestres” das aldeias: são os idosos que melhor guardam os saberes de outrora e são também eles que melhor os sabem transmitir. Os visitantes percorrem um circuito pelas ruas das 4 “Aldeias Pedagógicas” de Bragança e Vimioso, passando em pontos definidos, ouvindo, observando e experimentando as artes e ofícios destes Mestres/idosos.

 

  • Objetivos

 

- Combater a sua solidão e o isolamento de 100 idosos de 4 aldeias transmontanas através de relações intergeracionais: o projeto faz os idosos ocuparem um papel ativo na comunidade. Os idosos sentem-se úteis e empenhados em cumprir o papel de Mestres e transmitirem os seus saberes às novas gerações.

- Promover o envelhecimento em comunidade através do intercâmbio entre crianças/jovens que desenvolvem novas formas de ver o mundo e idosos que ganham uma nova utilidade para o seu conhecimento e uma nova função para a rotina das suas atividades diárias.

- Ocupar os idosos em contexto rural e sem que estes tenham de sair do conforto e segurança das suas casas, realizando atividades e dinâmicas que são para eles significativas. 

 

 

O SEU CONTRIBUTO VAI PERMITIR:

Angariar recursos financeiros para dinamizar o projeto Aldeias Pedagógicas durante o ano de 2020. O dinheiro é essencialmente para um posto de trabalho (que vai estar no terreno a dinamizar o projeto com os idosos) e material para desenvolver as dinâmicas.

Identifica-se com a nossa causa? Ajude-nos com o seu donativo!

Sobre o promotor

QUEM SOMOS

A Azimute é uma associação juvenil sem fins lucrativos, fundada em maio de 2002 e com sede no Parque Natural de Montesinho, aldeia de Portela em Bragança. São objetivos da Azimute, a organização e promoção de atividades relacionadas com o envelhecimento ativo, a intergeracionalidade, a revitalização de aldeias transmontanas, a juventude, o ambiente e a cultura.

A Azimute foi criada por um grupo de jovens estudantes, com atividades ligadas ao ambiente e oficinas de sensibilização ambiental, ­ caminhadas e desportos de aventura. Em 2003 remodelou uma antiga escola primária situada na aldeia de Portela, onde criou o Centro Interpretativo da Natureza e a sede da Azimute.  Em 2006 a Azimute iniciou a campanha de Solidariedade “Já Deste Muitas Tampas”, tendo doado a instituições e particulares material ortopédico no valor de mais de 16 mil euros, resultante da entrega de 30 toneladas de tampas e garrafas plásticas. Em 2011 surge a Aldeia Pedagógica de Portela, projeto de inovação social que promove o envelhecimento ativo em comunidade, valorizando o idoso rural e aumentando a sua participação social. Atualmente existem 4 Aldeias Pedagógicas, 2 no concelho de Bragança e 2 no concelho de Vimioso, beneficiando deste projeto 100 idosos. No âmbito do projeto Sementes com Vida, a Azimute editou o livro "Chuvisca e os Gurdiões das Sementes Nativas" e ofereceu 700 livros às crianças dos 3ª e 4ª ano do concelho de Bragança e Vimioso. 

 

Orçamento e Calendarização

O seu contributo vai permitir angariar recursos financeiros para dinamizar o projeto Aldeias Pedagógicas durante o ano de 2020. O seu contributo vai permitir manter um posto de trabalho (pessoa que está no terreno com os idosos) e a aquisição de material para dinamizar as ações. 

O projeto Aldeias Pedagógicas está abrangido pelo Mecenato Cultural, sendo que, ao apoiarem o projeto Aldeias Pedagógicas através da atribuição de donativos em dinheiro, beneficiam dos incentivos fiscais previstos no Estatuto dos Benefícios Fiscais (EBF).

Sex, 06/12/2019 - 07:47

Ter, 03/12/2019 - 18:45

Primeiros cinco apoiantes

Reunimos os primeiros cinco apoiantes. Força!

Lançamento da campanha

20/11/2019

7 membros da comunidade PPL
apoiam esta campanha

  • 4
    novos apoiantes

  • 3
    apoiantes recorrentes

  • 3
    apoiantes anónimos

Conhece quem está a tornar este sonho realidade