ECOtudoNADA cinema para pensar o mundo
Bom dia Reinventores

ECOtudoNADA cinema para pensar o mundo

ECOtudoNADA é um projecto de pensar o mundo, destinado a crianças, para revelar, projectando nas ruas, a sua visão do planeta a partir de um olhar cinematográfico.

  • 646

    angariado

    86% de 750€

    13 apoiantes

  • 34 dias

    para apoiar

    Registe-se para seguir esta campanha

  • Esta campanha iniciou-se em 01/07/2021 e só será financiada se angariar um mínimo de 750€ até 30/08/2021 - 18:00

ECOtudoNADA é um projecto de pensar o mundo, destinado a crianças, para revelar, projectando nas ruas, a sua visão do planeta a partir de um olhar cinematográfico.

Se a revolução tecnológica nos coloca perante possibilidades imensas, queremos explorar questões social e ambientalmente prementes, na perspectiva pela lente cinematográfica das crianças. Os trabalhos dos jovens realizadores, projectados nas paredes, nas casas ou ruas, trarão as suas reflexões e as suas vozes ao entorno dos seus ecossistemas. Esses trabalhos serão um convite para nos comprometer com o planeta único, e sem plano B, ao qual pertencemos. E se o cinema está a mudar, queremos fazer dele semente de renovação das telas do mundo.

Apoiar este projecto vai permitir realizar o teste de conceito nas melhores condições e potenciar o seu crescimento e implementação noutros contextos. Queremos que o projecto se concretize em acções gratuitas e socialmente inclusivas, para que todas as vozes se possam fazer ouvir.

primeiros fazedores ECOtudoNADA

A semente

O mundo mudou. Um cliché, é certo, já que os ciclos de mudança se entrelaçam num mecanismo perpétuo. Ainda assim, no último ano e meio deparámo-nos com mudanças tão incontornáveis, tão drásticas, que o acto de questionar - no sentido mais amplo da palavra - parece ter-se tornado mais evidente. Mais aceso. Mais polarizado. Greta Thunberg perguntou(-nos) “Como se atrevem...?”. E nós, que somos daquele tipo de gente que ainda sonha uma humanidade melhor, apressamo-nos a completar a frase: como nos atrevemos a não fazer nada?

 

Passo a passo

Vamos operacionalizar oficinas de cinema e vídeo, numa primeira fase para crianças, recorrendo a reemprego de imagens e animação stop-motion.

Vamos promover a discussão de temas ambiental e socialmente impactantes, partindo das preocupações, anseios e sonhos das crianças, sem descurar o terceiro pilar da sustentabilidade.

Vamos trabalhar, através da imagem e do som, a premissa de que não há o “outro lado do mundo”:

  • Queremos que esta acção contribua para enquadrar as questões levantadas pelas crianças numa rota de consciencialização para a vivência de um mundo global.

  • Queremos criar caminho para a conexão e para a vivência de uma “rede humana” para além das redes.

Vamos usar a acção de rua para comunicar à comunidade, escolar, familiar, municipal (e devolver ao mundo) as preocupações e sonhos das crianças.
 

Referências

Inspirámo-nos nos projectos Inventar com a diferença - cinema, educação e direitos humanos (vários autores, Brasil, desde 2014), Vídeo nas aldeias (Vincent Carelli, Brasil, desde 1986) e Un film dramatique (Éric Baudelaire, França 2019). Também nos alenta a força gerada pela acção de Greta Thunberg e que trouxe tantos jovens para a linha da frente da luta pelo planeta.

Sobre o promotor

Andreia é ilustradora, bióloga, contadora de histórias e quase-cineasta. Quer fazer das histórias motores de consciência e crescimento.

Eliane é arquitecta e uma eterna aprendiz das artes audiovisuais. Do Brasil, traz-nos a paixão pelo pulmão do mundo e pelos seus habitantes.

No final de 2020, decidimos começar a projectar na rua as nossas preocupações, com acções próprias (Montgomery, ou o Natal anti-consumo) e em conjunto com outros artistas (25 de Novembro - Dia para a Erradicação da Violência contra as mulheres)

 

Para este teste de conceito, contamos com a parceria da Associação de Pais da Escola Gomes Freire de Andrade que gentilmente aceitou fazer parte deste ensaio.

Promotoras da ideia ECOtudoNADA

Orçamento e Calendarização

Orçamento

Acreditamos mesmo neste projecto e queremos desenvolvê-lo na melhor versão de si mesmo, a cada momento. O vosso apoio permitirá cumprir esse objectivo, garantindo realizar o teste de conceito ECOtudoNADA.

Deslocações e refeições €230,00
Materiais €450,81
Comissão PPL €69,19
Total €750,00

 

Calendarização
Até ao fim do Verão, estaremos a preparar tudo para que o teste de conceito possa acontecer ainda em Setembro.
Cumprir essa meta permitir-nos-á avaliar a acção, melhorá-la e partir em busca de parceiros para a sua implementação, ainda durante o próximo ano lectivo, na área da Grande Lisboa. Para o final, sonhamos a parte melhor: a Mostra de cinema ECOtudoNADA para partilha dos trabalhos e reflexões dos jovens realizadores.

E a seguir? Venha um novo ciclo!

 

Qua, 28/07/2021 - 15:01

Qua, 21/07/2021 - 10:07

Projectando nas ruas...

Queremos levar os trabalhos e as ideias dos pequenos realizadores à comunidade, projectando nas paredes das escolas ou em locais públicos as suas sementes de massa crítica para ...

Ler mais

Ter, 06/07/2021 - 11:53

Primeiros cinco apoiantes

Reunimos os primeiros cinco apoiantes. Força!

Lançamento da campanha

01/07/2021

Junta-te a nós para poderes participar nesta campanha. Criar conta

13 membros da comunidade PPL
apoiam esta campanha

  • 9
    novos apoiantes

  • 4
    apoiantes recorrentes

  • 8
    apoiantes anónimos

Conhece quem está a tornar este sonho realidade

  • Karla Holanda

    27/07/2021 - 20:32

  • Anónimo

    25/07/2021 - 15:40

  • Ana Ferreira

    25/07/2021 - 11:19

    Força para o projecto

  • Anónimo

    23/07/2021 - 19:43

    Ajudar tem de fazer parte do pensamento de todos

  • Anónimo

    22/07/2021 - 21:27

  • Maria Teresa Rebelo

    21/07/2021 - 14:56

  • Anónimo

    19/07/2021 - 11:21

    Ótimo projecto!

  • Anónimo

    14/07/2021 - 11:16

  • Raphael Groberio

    12/07/2021 - 21:19

    Congrats!!!

  • Anónimo

    11/07/2021 - 16:03

  • Joana Morão

    06/07/2021 - 11:53

    Força grãozinho!!

  • Raphael Groberio

    05/07/2021 - 23:20

  • Karla Holanda

    04/07/2021 - 12:14

  • Anónimo

    02/07/2021 - 00:19

  • Anónimo

    01/07/2021 - 13:55