Protecções faciais para todos - viseiras e máscaras caseiras eficazes
PPL Causas
  • Social
  • Ponte de Lima, Portugal

Protecções faciais para todos - viseiras e máscaras caseiras eficazes

Viseiras e máscaras caseiras para todos. Os profissionais de saúde e cuidadores precisam de viseiras e o cidadão comum precisa de máscaras de protecção. O fabrico pode ser casei...

Viseiras e máscaras caseiras para todos. Os profissionais de saúde e cuidadores precisam de viseiras e o cidadão comum precisa de máscaras de protecção. O fabrico pode ser caseiro desde que seja eficaz. Vamos todos salvar vidas.

Pretendemos continuar a fazer chegar, gratuitamente, as viseiras ligeiras aos profissionais de saúde e cuidadores. Essa é uma das prioridades. Contudo, há muitos outros trabalhadores também a necessitar de protecção. Nos supermercados, padarias, etc….

Por outro lado, verificamos que o cidadão comum poderia estar melhor protegido. Estamos atentos às notícias que nos chegam de outros países que estão fazer algo diferente. No Oriente, onde já é habitual e vulgar, pois já têm mais experiência nestes assuntos, devido às várias epidemias que tiveram nos últimos anos, mostrou ser uma arma relevante neste combate. O Ocidente teima em contrariar aquilo que é evidente! Na República Checa foram mais rápidos a reagir do que nós. Também fecharam restaurantes e bares, museus, concertos e outros eventos públicos. Mas não pararam de trabalhar. Só que lá é obrigatório o uso de máscara.

A máscara caseira não te protege. Mas diminui o risco de tu contagiares os outros. E assim se tu usares máscara proteges os outros. E se todos usarem máscara estarás mais protegido. Além disso com máscara fica mais difícil tocares inadvertidamente com a mão na cara e no nariz.  Acreditamos verdadeiramente que o uso sistemático da máscara interfere muito na propagação do vírus. Depois de testar (muito) e isolar os portadores ou doentes, é preciso retomar gradualmente alguma actividade ....não podemos ficar em quarentena para sempre...e isso terá que ser com segurança. Se todos usarem máscara, o risco fica muito diminuído...

Para além disso, muitos profissionais do comércio local (supermercados, padarias, etc...), ficariam muito mais protegidos com a utilização de viseiras e máscaras caseiras eficazes. Demonstraremos, com alguns testes simples, a validade das nossas soluções.

Estas soluções que vos propomos não são EPI (Equipamento de Protecção Individual). Mas sabemos que são aquilo que podemos chamar um EPG (Equipamento de Protecção de Grupo). Não são alternativa ao que já fazemos ao nível da higiene das mãos e distanciamento social. SÃO UM SUPLEMENTO para que se diminua o contágio. 

Mas esta campanha tem também uma vertente solidária. Todos aqueles que nos compram um conjunto (ver recompensas) estão a ajudar, pois por cada pack/conjunto vendido ajudam a oferecer 1 pack/conjunto a alguém que precise. Lutaremos para que todos tenham acesso aos meios de protecção adequados. Mesmo aqueles que não têm meios monetários para os adquirir.

Sobre o promotor

Sou o António e fundei a empresa Weproductise em 2013, na Vila mais antiga de Portugal, Ponte de Lima. É uma empresa que atua na área da indústria criativa, especificamente com o Design de produto, gráfico e comunicação.

Os seus serviços de oficina são maioritariamente em materiais ecológicos, como os derivados de madeira e serviços de corte e gravação a laser e impressão digital. A filosofia da empresa é criar Design Ecológico, Inclusivo e Positivo, tendo como objetivo, de alguma forma, contribuir para o bem-estar das pessoas e do planeta.

Ao longo dos anos criamos e desenvolvemos as nossas próprias marcas/negócios. LaranjaLimao GuestHouseBomerangoBodymover, Woodprint e Pé Descalço ecoparque. As quais mantemos até aos dias de hoje.

A saber:

https://weproductise.com/: serviços de corte a laser e impressão digital
https://woodprint.pt/: artigos em madeira  com impressão digital e/ou corte a laser
https://bomerango.co/: iluminação decorativa em madeira
https://pedescalcoecoparque.pt/: Pé Descalço ecoparque, para o fazer sorrir (animação turística)
https://laranjalimaoguesthouse.pt/: LaranjaLimao GuestHouse, alojamento family-friendly e pet-friendly. Descanse e divirta-se na natureza

Nota: Nós também já fomos apanhados pela crise económica e as encomendas (Weproductise e marcas Woodprint, Bomerango e BodyMover) e reservas (LaranjaLimao e Pé Descalço ecoparque - alojamento e animação turística) foram todas canceladas no período de 15/Mar até 30/Junho.

Orçamento e Calendarização

Pretendemos continuar a fazer chegar as viseiras ligeiras aos profissionais de saúde e cuidadores. É essa é uma das prioridades. Contudo, há muitos outros trabalhadores também a necessitar de protecção. 

E também pretendemos que o cidadão comum tenha acesso a protecção. E essa protecção, na falta de melhor (máscaras cirúrgicas) podem ser máscaras de tecido caseiras. Aqui e no nosso site ou redes sociais, demonstraremos, com alguns testes simples a validade das nossas soluções.

Por outro lado, o objectivo desta campanha é o de angariar recursos para os mais necessitados. Forneceremos gratuitamente, dentro dos recursos que angariarmos, todos os meios de protecção adequados a todos os aqueles que deles necessitem. E para isso, precisamos da vossa ajuda. Seja através de donativos ou da aquisição das recompensas nesta campanha listadas.

Materiais necessários

Viseiras: chapas de policarbonato de 0,6 ou 1mm + elásticos

Kits costura e máscaras de tecido caseiras: tecidos, filtros (não-tecidos/outros), agulhas, linhas, elásticos

Até ao momento, entregamos, gratuitamente, um total de 340 unidades às seguintes instituições:

Santa Casa da Misericórdia de Ponte de Lima (Lar de idosos): 36
Centro de Saúde Lethes: 2
Lar Casa Magalhaes (Lar de Idosos, Freixo): 50
Centro Paroquial de Promoção Social e Cultural de Darque (Lar de idosos): 100
Bombeiros de Ponte de Lima: 5
GNR de Freixo: 5
Centro Paroquial e Social de Fornelos (Lar de idosos): 4
Casa de Caridade – Lar Nossa Senhora da Conceição (Lar de idosos): 90
Hospital de Viana: 18
Hospital de Ponte de Lima: 30

CRONOLOGIA

22 Março 2020: observando a escassez de material de protecção e consequente agonia dos funcionários de lares de idosos e hospitais da nossa região, juntamo-nos a várias comunidades de fazedores. Daí surgiu um modelo de viseira que começamos a produzir. É uma viseira ligeira, não está certificada, mas é uma solução funcional, como recurso, para todos aqueles que não conseguem aceder a material adequado, incluindo os nossos profissionais de Saúde.

29 Março 2020: Atentos à realidade de outros países, começamos a ponderar o uso de máscaras não cirúrgicas pelo cidadão comum. MÁSCARAS Caseiras, SIM ou NÃO? "Está demonstrado que a utilização das máscaras diminui o potencial de contaminação. O Presidente do Conselho de Escolas Médicas Portuguesas (CEMP), relembra que na Republica Checa, onde a sua utilização é obrigatória, resultou numa significativa diminuição de casos e de mortos provocados pelo novo coronavírus" (ver Expresso, Público, TSF, Observador, DN, Sic Notícias, etc....). Por outro lado, o INSTITUTO DE HIGIENE E MEDICINA TROPICAL alerta para os riscos do uso de máscaras artesanais, mas refere: "No entanto, em contexto de escassez severa de equipamento de proteção individual (EPI), e apenas se as máscaras cirúrgicas (P1) não estiverem disponíveis, máscaras de pano caseiras (por exemplo, lenços) são propostas como uma solução provisória de última instância pelo Centers for Disease Control and Prevention (CDC) dos EUA, mas sempre em situações muito excecionais". https://www.ihmt.unl.pt/covid-19-mascaras-artesanais-e-a-reutilizacao/

Verificamos que esta é A NOSSA SITUAÇÃO ACTUAL! 

Vamos encontrar todos aqueles e aquelas que tenham máquina de costura, a prima afastada ou a vizinha com quem já não falamos há algum tempo. O amigo que conhece alguém que sabe. Temos que ser rápidos! Temos que usar o que está ao nosso alcance. Depressa!

Vamos coser à mão até nos doerem os dedos.

Vamos encontrar os materiais, as linhas, os tecidos, os elásticos, onde eles estiverem. E vamos fazer máscaras. Todos. Muitas. Milhares. Milhões.

Como se várias vidas dependessem disso! Porque, na realidade, podemos fazer a diferença e salvar vidas..

A começar hoje. Agora!

Quando acharem que já estão a fazer muitos sacrifícios…

Pensem no médico ou no enfermeiro que há semanas não vê os seus filhos, que não os pode abraçar, cheirar, beijar. E que não sabe quando o poderá fazer. Pensem nos avós que já não veêm há tanto tempo. Que estão sozinhos, isolados, com medo. Pensem no vosso amigo que já perdeu o emprego.

Juntos venceremos!

Eu uso para te proteger a ti!

Tu usas para me proteger a mim!

Qua, 27/05/2020 - 11:15

Qua, 15/04/2020 - 19:19

Primeiros cinco apoiantes

Reunimos os primeiros cinco apoiantes. Força!

Lançamento da campanha

08/04/2020

16 membros da comunidade PPL
apoiam esta campanha

  • 11
    novos apoiantes

  • 5
    apoiantes recorrentes

  • 2
    apoiantes anónimos

Conhece quem está a tornar este sonho realidade