Voluntariado em Kathmandu no Nepal

Voluntariado em Kathmandu no Nepal

Projecto de voluntariado em Kathmandu no Nepal. Todo o dinheiro angariado será aplicado nas despesas médicas, materiais escolares, pagamento das propinas escolares e materiais q...

  • 1440

    angariado

    103% de 1 400€

    34 apoiantes

  • 20/09/2013

    Terminado a

  • Financiado

    Esta campanha foi totalmente financiada

Projecto de voluntariado em Kathmandu no Nepal. Todo o dinheiro angariado será aplicado nas despesas médicas, materiais escolares, pagamento das propinas escolares e materiais que o orfanato tem em falta.

Segundo a ONU, estima-se que existam em Kathmandu (Nepal), aproximadamente, 9.000 crianças de rua.

São meninos a quem foi negado o direito a serem crianças. Crianças estas, que não têm contacto com as suas famílias, são refugiadas e deslocadas, expulsas de casa para reduzir o número de bocas para alimentar, órfãs, ou até mesmo, abandonadas.

Uma vez na rua, estão entregues a si mesmos e à sua sorte. O pequeno corpo de criança, cobre-se de parasitas e lixo devido a dormirem no chão ou em bancos. Juntam-se em grupos para aumentar a capacidade de sobrevivência e tornam-se pedintes. Em Kathmandu grande parte destas crianças são viciadas em cola. Estas não são vistas como um potencial para o desenvolvimento do país, portanto, é-lhes negado o acesso à Educação, à infância, à importância em serem reconhecidas ou fundamentalmente, o direito a serem amadas, acarinhadas e protegidas.

O orfanato acolhe 31 crianças, 11 das quais recolhidas muito recentemente devido à intempérie que se faz sentir no país. Lalit e Eric são responsáveis por estes meninos, asseguram-lhes a oportunidade de frequentarem a escola (sendo uma despesa bastante acentuada uma vez que no Nepal a Educação não é gratuita) e principalmente dão-lhes um Lar. Um lar onde se sentem acarinhados e por fim, viverem em conformidade com o que realmente são: crianças.

Foi-nos pedido para trabalharmos, essencialmente, na criação de hábitos de higiene diários, criando rotinas que possam ser exequíveis, tendo em conta as condições existentes. As crianças são muito atacadas por parasitas, piolhos e pulgas, que agravam o seu estado de saúde.

Porque escolhemos esta Organização?

Viajar e conhecer novas culturas foi algo que sempre nos fascinou, inclusive, a nossa amizade teve início a partir do famoso couchsurfing. Contudo, somente conhecer lugares novos já não era suficiente, precisávamos de mais, de fazer mais pelo mundo. Desse pensamento até surgir a ideia do voluntariado foram 2 segundos.

Escolhemos o Nepal, por ser de certa forma, um cantinho no mundo que se encontra esquecido. É um país onde existem, segundo a ONU, mais de 9.000 crianças de rua, órfãs, abandonadas, refugiadas, deixadas ao abandono e à sua sorte. A maior parte delas está viciada em cola. Crianças esquecidas, mas que, continuam a ser crianças, precisam de proteção, conforto e amor.

A nossa rotina diária!

O dia normal em Kathmandu terá início às 7h00 da manhã. É necessário acordar as crianças, dar-lhes o pequeno almoço e levá-las à escola. 

Durante as aulas, teremos tempo para cozinhar o almoço, organizar o Lar e preparar atividades para as crianças, assim que regressarem da escola.

A partir das 16h00, hora a que termina a escola, começa a brincadeira! Entre banhos e limpeza dos meninos, começamos agora a realizar as atividades que tinhamos preparado, no âmbito das artes, música, línguas ou até mesmo uma partida de futebol!

O jantar é servido às 19h00, depois disso, é hora de lavar os dentes, deitar as crianças e desejar-lhes bons sonhos.

Nota: Todo o dinheiro angariado será aplicado nas despesas médicas, materiais escolares, pagamento das propinas escolares e materiais que o orfanato tem em falta (frigorífico, camas etc.). As nossas despesas de voos, vistos, alimentação e alojamento são suportadas na totalidade por nós (Inês e Anna).

Sobre o promotor

Quem somos nós?! 

Inês Alves tem 27 anos e é natural da cidade do Porto, Portugal. Professora de Educação Visual. Aos 9 anos de idade, conseguiu convencer os seus pais a inscrevê-la nos Escuteiros, organização que frequentou durante 10 anos e se tornou numa segunda casa. Onde conta com inúmeros trabalhos de voluntariado, noites em campo, trabalhos de verão na protecção civil e, o mais importante, uma mão cheia de amigos. Estas vivências proporcionaram-lhe a descoberta pelo gosto e necessidade de ajudar o próximo, bem como, a criação do “bichinho” por viajar. Aliando estas duas componentes, surgiu a ideia do voluntariado internacional. 

Anna Jonker, 27 anos, vem de Haarlem, Holanda. Trabalha como Gerente de Contas numa empresa de moda holandesa onde começou a trabalhar há 9 anos atrás. Neste meio ela teve de crescer tanto a nível profissional, como a nível pessoal. Aos 27 anos de idade não podia pedir mais, dona de uma carreira profissional admirável, um confortável apartamento, inúmeras viagens, bem como a participação em várias festas luxuosas. Porém, Anna rápido apercebeu-se o quanto afortunada era, somente por ter nascido numa família que lhe proporcionou uma boa educação. Nem todos têm esta oportunidade. Com isto em mente ela optou por passar para segundo plano a sua vida profissional e pessoal, para ajudar a contribuir para um mundo melhor, sendo uma voluntária internacional.

Volunteer Foundation Nepal, fundada em 2010 é um projeto de ajuda a crianças desfavorecidas. Inicialmente, forneciam às crianças alimentação e roupas. Porém, as crianças estavam em muito mau estado, infestadas de doenças e viciadas em cola. Graças ao esforço de Lalit Shahi, cidadão nepalês e Eric Fairman, professor reformado do Reino Unido, criaram um abrigo para acolher estas crianças de rua, ao qual deram carinhosamente o nome de Papa’s home. (Casa do Papá), localizado em Kupondol, nos arredores de Kathmandu.

Nota: Se pretenderem entrar em contacto connosco podem fazê-lo através do nosso email.

Orçamento e Calendarização

Despesas: Despesas médicas, frequência nas escolas (no Nepal o ensino não é gratuito), alojamento e alimentação dos meninos do orfanato, materiais e recursos humano

Qui, 25/02/2021 - 19:23

20/09/2013

Campanha terminou

Os fundos foram totalmente angariados com sucesso

Lançamento da campanha

22/08/2013

34 membros da comunidade PPL
apoiam esta campanha

  • 25
    novos apoiantes

  • 9
    apoiantes recorrentes

  • 0
    apoiantes anónimos

Conhece quem está a tornar este sonho realidade

  • jmp1946

    20/09/2013 - 14:32

    Obras como esta são dignas de todo o apoio. Parabéns pelos sucesso na angariação de fundos. Os melhores votos para o sucesso do projecto.

  • Abílio Silva

    18/09/2013 - 18:13

  • darkman

    17/09/2013 - 17:24

    Nicely done :D

  • Jacco Terwal

    16/09/2013 - 12:07

    Succes in Nepal!

  • Han Jonker

    16/09/2013 - 11:17

    Top meiden! Op naar de 2000!

  • Mónica Domingues

    12/09/2013 - 20:13

    Good luck Girls!!! From Mónica, Belinha, Aida, Fátima, Manuela, Fernanda, Lola e Rita.:)

  • Karin Kadak

    12/09/2013 - 18:09

    Good luck, Inês!

  • NeesvdBrink

    09/09/2013 - 19:09

    Succes!!

  • mjfm

    09/09/2013 - 13:40

  • ruitewaal

    08/09/2013 - 12:38

    Good luck girls and have lots of fun!

  • nijland

    05/09/2013 - 10:23

    voor het projekt

  • Youri Tigchelaar

    04/09/2013 - 07:25

    Succes en veel plezier daar! We zullen goed op je huis passen ;) X Britt & Youri

  • Bram Van Berkel

    02/09/2013 - 18:42

    Veel plezier en succes!

  • mr_muzzy

    01/09/2013 - 14:31

    A little contribution! I know this is in good hands! :-)

  • Amélia Martins

    30/08/2013 - 12:38

    Força

  • dudedaan

    29/08/2013 - 08:08

    Zet hem op Anna! Goed werk!

  • Jeanette en rob

    28/08/2013 - 16:06

    KEEP UP THE GOOD WORK! Jeanette and Rob

  • Anna Jonker

    27/08/2013 - 15:10

    | Donation Wendy Visser

  • Luis Miguel Reis

    26/08/2013 - 23:34

    ...bom trabalho!

  • Lisa Jurgens

    26/08/2013 - 21:46

    Succes An! Veel liefs van Lisa, Frank & baby Joe