A Minha Cidade é o Meu Jardim

A Minha Cidade é o Meu Jardim

Este ano desafiamos os viseenses, os visitantes e os apaixonados pelos JARDINS EFÉMEROS que estejam connosco nesta edição, de 3 a 12 de Julho, a serem “padrinhos” do seu mais si...

  • 6415

    angariado

    107% de 6 000€

    178 apoiantes

  • 15/06/2015

    Terminado a

  • Financiado

    Esta campanha foi totalmente financiada

Este ano desafiamos os viseenses, os visitantes e os apaixonados pelos JARDINS EFÉMEROS que estejam connosco nesta edição, de 3 a 12 de Julho, a serem “padrinhos” do seu mais simbólico momento - O Jardim - que construíremos juntos na Praça D. Duarte. Queremos colocar o teu nome nas árvores do centro histórico, porque: A cidade somos todos nós. Rega este sonho, semeia a utopia.

A MINHA CIDADE É O MEU JARDIM

Os Jardins Efémeros são um evento único em Portugal. O seu carácter cultural e criativo experimental e multidisciplinar, reforça a sofisticação e modernidade da cidade de Viseu. Viseu é a cidade que mostra a Portugal o que de bom e diferente existe na produção cultural no Mundo.

Projecto da Pausa Possível - Associação Cultural e de Desenvolvimento, os Jardins Efémeros são a grande realização cultural e criativa feita na cidade de Viseu. A alma do evento é a relação que se estabelece entre os habitantes e visitantes, os criadores culturais, as associações, o comércio, a restauração e o ensino, criando-se uma rede invisível de contactos, emoções e transmissão do conhecimento. Durante os Jardins, a cidade e as actividades são frequentadas por mais de 100.000 pessoas, locais e visitantes, em 10 dias de intensa relação social. 

Todo o Centro Histórico de Viseu é transformado num cenário idílico de um jardim babilónico, nas praças e ruelas graníticas, acolhendo de forma mística e misteriosa o talento cultural e criativo que flui durante os Jardins. Criadores nacionais e internacionais, residentes e visitantes, participantes e curiosos criam afectos que promovem a descoberta e invenção de novas formas de pensamento, arte, música, teatro, pintura e arquitectura.

Vem construir este cenário connosco.

Este ano desafiamos os viseenses, os visitantes e os apaixonados pelos JARDINS EFÉMEROS que estejam connosco nesta edição, de 3 a 12 de Julho, a serem “padrinhos” do seu mais simbólico momento - O Jardim - que construíremos juntos na Praça D. Duarte. Queremos colocar o teu nome nas árvores do centro histórico, porque: A cidade somos todos nós.

Este crowdfunding foi criado para que te envolvas na construção comum da ideia de comunidade, responsável e integradora dos valores de participação activa na criatividade da cultura contemporânea. 

O nosso objectivo para este ano é que esta verde efemeridade atinja os 6000€. Todos os que contribuírem verão os seus nomes nascerem numa árvore do Centro Histórico de Viseu. 

Queremos que este Jardim tenha a participação de todos. Queremos que esta realização continue a ser livre e grátis para toda a gente. Acreditamos no livre acesso à cultura, neste caso, experimental, e na educação pela arte, e tu?

Rega este sonho, semeia a utopia.

Participa e obrigado!

Até já.

Sobre o promotor

Os Jardins Efémeros são a grande realização cultural multidisciplinar feita na cidade de Viseu com forte componente experimental, que tem como objectivo maior potenciar a relação e interligação entre os vários agentes que “fazem acontecer a cidade de Viseu” (município, artistas, curadores, investigadores, universidades, associações culturais, sociais, de comércio, turísticas, empresas, museus, cidadãos, e mesmo os seus visitantes). O objectivo é o de que essas relações estabelecidas em projectos específicos resultantes dos Jardins Efémeros possam ser um ensaio e início de realizações futuras autónomas.

Os valores intrínsecos dos Jardins Efémeros são estáveis e decorrentes de uma cuidada direcção artística e programação de carácter urbano, contemporânea e experimental, com os contributos continuados de vários criadores, investigadores, universidades, assistentes sociais, empresas e associações reflectidas nas áreas: Artes Visuais, Arquitectura, Cinema, Som, Dança, Teatro, Pólis, Mercados e Oficinas.

A utilização dos espaços icónicos como a Sé de Viseu, Misericórdia, museus, capelas, casas públicas e privadas, jardins, logradouros, praças, o edificado do centro histórico (casas, lojas e edifícios industriais), permite que os visitantes tenham uma experiência diferente da habitual na visita à cidade de Viseu. Toda a luz e o tipo de espectáculos, exposições ou actividades a que nos propomos, tem como objectivo a valorização do património, respeitando-o profundamente.

PAUSA POSSÍVEL Associação Cultural e de Desenvolvimento

A Pausa Possível é uma associação sem fins lucrativos e tem como fim: o desenvolvimento de actividades, quer práticas quer teóricas, sob uma noção de partilha e divulgação artística e cultural, interdisciplinar dentro de contextos regionais, nacionais e internacionais; o desenvolvimento de programação, apostando na articulação de diferentes áreas ao nível da criação, difusão e investigação artística e/ou académica; a criação e divulgação de programas e/ou actividades que promovam a educação e coesão social; o desenvolvimento de programas e/ou actividades que visem a reabilitação de áreas urbanas, a salvaguarda da identidade e a valorização do património material e imaterial.

 

 

Orçamento e Calendarização

Na sequência do programa que estamos a construir para a V edição dos Jardins Efémeros que ocorre anualmente em Viseu, cujo o valor total de referência atinge os 330.000€, conseguimos fruto do apoio de empresas, associações e instituições públicas e privadas reduzir o seu custo total para 185.000€.
Devido à relevância cultural, económica e de notoriedade que os JARDINS EFÉMEROS atingiram no contexto nacional e até internacional, a Câmara Municipal de Viseu apoia com 125.000€ esta realização, faltando assim 60.000€ para que consigamos colocá-la em prática.
Entendemos que devemos apoiar as iniciativas criativas e que promovam a liberdade criativa e inovação de técnicas construtivas para o bem-estar social da população. Devemos ainda salientar que todas as actividades artísticas e culturais inscritas no programa são livres, apenas limitados aos lugares disponíveis, se em salas. Entendemos esta iniciativa como uma aproximação do público à arte e cultura exploratória, independentemente da escolaridade e da idade.
Neste contexto, o financiamento resultante deste projecto de crowdfunding será para ajudar a cobrir o projecto mais simbólico do evento - os Jardins da Praça D. Duarte - no valor de 6.000€.

  • Apoia com
    5€ ou mais

    Por cada 5 euros ou mais verá o seu nome na árvore do Centro Histórico de Viseu

    77 apoiantes

  • Apoia com
    20€ ou mais

    Por cada 20 euros ou mais terá um agradecimento público na nossa página do facebook + verá o seu nome na árvore do Centro Histórico de Viseu

    51 apoiantes

  • Apoia com
    50€ ou mais

    Por cada 50€ ou mais terá o seu nome presente no projecto inscrito na rubrica PÓLIS no nosso site + verá o seu nome na árvore do Centro Histórico de Viseu.

    18 apoiantes

  • Apoia com
    100€ ou mais

    Por cada 100 euros ou mais será plantada uma árvore no parque da Aguieira + verá o seu nome na árvore do Centro Histórico de Viseu

    26 apoiantes

Ter, 02/06/2020 - 13:09

Sex, 19/06/2015 - 11:05

Pagamento concluído

Os fundos angariados foram transferidos para o promotor

15/06/2015

Campanha terminou

Os fundos foram totalmente angariados com sucesso

Lançamento da campanha

13/04/2015

178 membros da comunidade PPL
apoiam esta campanha

  • 147
    novos apoiantes

  • 31
    apoiantes recorrentes

  • 0
    apoiantes anónimos

Conhece quem está a tornar este sonho realidade