ACABAR O ARRABALDE

ACABAR O ARRABALDE

Filmámos já a maior parte da longa-metragem ARRABALDE. Falta apenas uma cena para terminar as suas rodagens e a finalização, ou seja, a pós-produção. Nesse sentido precisam...

  • 3274

    angariado

    101% de 3 250€

    40 apoiantes

  • 15/01/2020

    Terminado a

  • Financiado

    Esta campanha foi totalmente financiada

Filmámos já a maior parte da longa-metragem ARRABALDE. Falta apenas uma cena para terminar as suas rodagens e a finalização, ou seja, a pós-produção. Nesse sentido precisamos de fundos e assim tropeçámos no PPL.

Esta campanha serve para colmatar um trabalho de criação de uma primeira longa-metragem que foi filmada ao longo dos últimos 4 anos. Há já material que compõe uma hora e meia de filme, que podia ser um poema, que podia ser uma carta, que será forçosamente um bilhete de identidade.

Pretende ser um gesto de observação do mundo à volta, do mundo que conheço e utiliza vários formatos de filmagem (handycam, 4k e película de 16mm); diversos estilos narrativos(Roadmovie, Thriller, Cinema de autor) e um conjunto organizado de ligações para providenciar ao espectador uma experiência sincera e abrangente. Por vezes é difícil explicar o filme, a verdade é que as ideias e conceitos sobre os quais se debruça estão bem presentes na obra.

É sobre a vida em cidade e as voltas que temos de dar para acomodar o que acontece nesta violenta civilização. É sobre o não-lugar onde se inscreve quem evita ou é incapaz de seguir os protocolos e regras da cidade. Utiliza Lisboa como pano de fundo mas os problemas demonstrados podem ser transportados para qualquer cidade Ocidental.

Neste momento falta apenas rodar uma cena a meio de Dezembro onde os actores e a equipa têm de ser alimentados! 

Falta também a finalização do filme inteiro onde estamos a falar principalmente de edição de vídeo, coloração da imagem, gravação de banda sonora e outras coisas que fazem parte da pós-produção de um filme e que têm despesas.

O filma chama-se ARRABALDE e o seu mote é "substituir a sobrevivência pela vida". Ajudem-nos a acabá-lo!

Sobre o promotor

Escrevo desde poemas, livros, peças, ensaios, divagações e às vezes até músicas desde a adolescência e sou actor como consequência dessa vontade criativa que sai do papel e se assoma sobre o meu corpo, transformando-me em outros corpos, integrando outras estórias. Sou também realizador pois é nessa reunião do querer escrever, e viver o que escrevo que se dá esse desafio de tridimensionalizar a imaginação. Desde os 18 anos que faço filmes na tentativa de me formar ao fazer em vez de fazer uma aprendizagem estagnada e bruta que por vezes se dá em escolas de cinema. Fiz várias curtas que tratavam vários assuntos e existiam dentro de diferentes universos. Deixei-me contagiar pela vida que fui vivendo e pelas muitas realidades e pessoas que fui conhecendo. Fiz um curso de audiovisuais com 19 anos onde o desenfreamento criativo se deu de uma forma absoluta e se passavam dias de volta de um projecto que era mais urgente que o dormir ou o comer. Fiz cursos de teatro onde quis desenvolver essa compreensão do que é ser "outro" e abrir espaços na minha consciência para empatizar com o mundo e libertar-me de lógicas mundanas de vivência. Andei na Escola Superior de Teatro e Cinema, no departamento de teatro e formei-me um pouco mais como artista intérprete e no segunda ano fiz uma curta chamada Túnel de Babel com o meu amigo e colega Hugo Rodrigues que me acompanha também nesta longa. Era um filme sobre a companhia, sobre a recuperação de espaços duráveis e dilatados de companheirismo num mundo cada vez mais transportado para os ecrãs. Mostrámos o filme na Culturgest depois de pedir ao então Director Miguel Lobo Antunes para fazer uma projecção num buraco de calendário que tinham naquele mês. A sala encheu com 250 pessoas e foram os 23 minutos mais excruciantes e ansiosos da minha vida, ver um filme meu ao lado de um público, no final as palmas ressoaram e eu sentimental agradeçia a sua presença e disse que partiria para Erasmus em Inglaterra daí a 3 dias. Lá escrevi uma longa a partir dessa curta, um gesto épico que só poderá ser feito daqui a muito tempo.

No último ano da faculdade trabalhei como actor com o Pedro Penim e o José Maria Viera Mendes numa peça, um texto original que me abriria o cérebero ou me condenaria o pragmatismo. A partir dessa experiência fiz um solo teatral chamado Diagonal onde fazia uma pequena demostração de cada tipo de criação abrangida no meu universo criativo e fazia a pergunta de "onde está o meu espaço?" Foi por essa altura que conheci o Martim, uma pessoa muito especial com quem começei a aventura de rodar esta longa-metragem.

Sinto que ela é importante e que poderá servir a muitos. Que não pode ficar presa ou escondida, por terminar ou esquecida. É a reunião do trabalho fundamental de alguém que privilegia a sua arte, acima da sua vida, mas a vida em geral acima da arte.

 

Orçamento e Calendarização

Última Rodagem de um dia, algures nas duas primeiras semanas de Dezembro:

500€ Alimentação da Equipa Técnica e Artística

250€ Aluguer de Material

1000€ Remuneração da Equipa Técnica e Artística

Pós-Produção a partir do momento que a cena fôr rodada, ainda no Mês de Dezembro até ao final de Janeiro, ou até fevereiro:

500€ Aluguer de estúdio de Pós -produção

1000€ Remunerações de diversas pessoas a trabalharem as diversas tarefas de imagem, montagem, cor, som, música, design gráfico e por aí fora.

  • Apoia com
    5€ ou mais

    Um convite

    Todos os que participarem neste escalão, e nos acima, estão convidados para uma sessão privada do filme aquando do seu término que está destinada apenas para a equipa técnica e artística

    8 apoiantes

  • Apoia com
    10€ ou mais

    Um desenho

    Farei um desenho personalizado para cada uma das pessoas que contribuir este montante.

    10 apoiantes

  • Apoia com
    20€ ou mais

    Uma fotografia à escolha assinada pelo actor nela contemplado

    Darei a escolher algumas hípoteses e consoante a pessoa figurado na fotografia, será por ela assinada.

    6 apoiantes

  • Poster

    Apoia com
    50€ ou mais

    Poster

    Um poster assinado pelas 5 pessoas mais presentes no desenvolvimento do projecto

    6 apoiantes

  • Apoia com
    100€ ou mais

    Livrinho de Arte de Conceito

    Um pequeno livrinho assinado com todos os desenhos que forma feitos para concepcionar as diferentes cenas do filme

    10 apoiantes

Seg, 10/08/2020 - 06:46

Qui, 16/01/2020 - 11:16

Pagamento concluído

Os fundos angariados foram transferidos para o promotor

15/01/2020

Campanha terminou

Os fundos foram totalmente angariados com sucesso

Ter, 14/01/2020 - 17:33

100% alcançado

CONSEGUIMOS! A campanha alcançou a totalidade do objectivo mas pode continuar a angariar fundos

Dom, 22/12/2019 - 15:43

50% alcançado

A campanha reuniu metade do objectivo. O copo está agora mais cheio do que vazio ;)

Seg, 09/12/2019 - 19:13

Primeiros cinco apoiantes

Reunimos os primeiros cinco apoiantes. Força!

Lançamento da campanha

04/12/2019

40 membros da comunidade PPL
apoiam esta campanha

  • 31
    novos apoiantes

  • 9
    apoiantes recorrentes

  • 8
    apoiantes anónimos

Conhece quem está a tornar este sonho realidade